quarta-feira, 12 de abril de 2017

Publicação FaceBook informando sobre parecer consultor Nildo Lima Santos












Nildo Lima Santos. Consultor em Adminisração Pública 
Tel.: (74) 98107.5334

https://www.facebook.com/groups/1397392090561963/
Servidores ameaçam greve caso adequações do plano de cargos e salários não sejam encaminhadas à Câmara Municipal
Nesta quarta-feira (22), os servidores públicos municipais se reuniram em assembleia na Praça da Bandeira junto com representantes dos seus sindicatos e o Jurídico (dos sindicatos). Na Pauta da Assembleia teve como assunto principal a resposta apresentada pelo Executivo em relação ao encaminhamento das adequações da Lei 1520/97 - Plano de Cargos, Carreira e Salários dos servidores públicos municipais para ser votado pela câmara de vereadores, que foi enviado ao Executivo Municipal desde 12 de julho deste ano. E informar ao servidor a resposta da equipe do governo no último dia 10 de agosto e deliberar sobre os encaminhamentos que deveriam ser tomados a partir da reunião do dia 20 de agosto.
Foram convidados pelos sindicatos todos os candidatos a prefeito para que pudessem apresentar suas propostas para 2013 em relação a valorização do servidor público e o Plano de Cargos, Carreira e Salários. Os sindicatos temem que a proposta não seja votada antes da eleição, e o que poderá acontecer após o processo eleitoral, pondo em ata, assim, o compromisso dos candidatos que se fizeram presentes. Dos cinco candidatos convidados compareceram o Prof. Paulo José (PSOL), Joseph Bandeira (PT) e Márcio Jandir (PV).
Contradizendo o Executivo Municipal, a assessoria jurídica dos sindicatos, informou a todos os presentes que as adequações podem e devem ser votadas ainda esse ano, antes do período eleitoral. Essa também foi a afirmativa do Advogado, ex-Procurador e atual candidato Dr. Márcio Jandir, afirmando que “o que está faltando é somente boa vontade por parte do governo”. Reforçando o Jurídico, a Consultoria Pública responsável pelo antigo plano 1520/97 e pelas atuais adequações, o Sr. Nildo Lima Santos enviou parecer comprovando através de Leis que a aprovação das readequações é Legal.
Diante do exposto, a categoria decidiu que daria um prazo de cinco dias úteis, para o executivo enviar as adequações para a câmara de vereadores, no aguardo de que seja votado. Haverá nova assembleia após o prazo estabelecido pelos servidores, para que a depender da atitude do governo o servidor delibere por paralisação e outras providencias de ordem legal.
Ascom Sinserp, Sintrab e Agmj
Postado por elivalto oliveira às 20:30
Parte superior do formulário


Postar um comentário