Estado Livre

Minha foto

Bacharel em Administração Pública pela Universidade Católica de Brasília e FACAPE/PE, consultor em administração pública e, em desenvolvimento organizacional, com 46 anos de experiência na área pública iniciada no Exército e, que continuo em toda extensão da vida civil. Responsável por relevantes trabalhos em importância e quantidade, na área de formação e relacionadas ao desenvolvimento da administração pública e das organizações civis; dentre os quais: implantação de entes públicos, reformas administrativas e institucionais, incluindo implantação de município recém-emancipado, planos de carreira, regime jurídico dos servidores, concursos públicos, códigos tributários municipais, defesas de contas públicas, audiências públicas, controle interno, normas de posturas e ambientais, etc. Com a atuação ativa na área da filantropia e das organizações sociais. Com passagens e atuação no Rio de Janeiro, Brasília, Bahia e Pernambuco, onde, inclusive, fixou residência.      

sábado, 27 de maio de 2017

Tudo a ver com o Estado Brasileiro de então


Reproduzindo publicação de Paulo Vianna no Facebook 

*Wesley e Joesley?*
Mas afinal que são esses caras que implodiram o país?
*Início:* Em 2007 o governo Lula criou a política das "Campeãs Nacionais"
*Objetivo:* Inserir empresas brasileiras no mundo das grandes empresas mundiais.
*Participantes:* Foram escolhidas a dedo algumas empresas "amigas", tais como: OGX de Eike Batista, Oi e J&F de Joesley Batista
*Obs:* A Oi (Telemar) investiu R$ 5 milhões em uma empresa chamada Gamecorp, que não valia nada, mas era de propriedade de Fabio Luis da Silva, o Lulinha.
Lula, não sabe de Nada disso.
Até 2016 a Oi já havia investido R$ 103 milhões na empresa de Lulinha, mas Lula não faz ideia de como o filho enriqueceu.
Continuando...
*Investimento:* O BNDES passou a fornecer grande volume de empréstimos a juros subsidiados, ou seja, o contribuinte pagou a diferença entre os juros de mercado e o praticado para os amigos do partido.
*Primeiro resultado:* As empresas escolhidas foram anabolizadas, engoliram empresas menores, se fundiram e concentraram poder. Só a JBS comprou 17 empresas, incluindo o frigorífico Bertin, segundo maior da época.
*Contrapartida:* Em troca, os empresários dedicavam fortunas de seus lucros absurdos às campanhas políticas dos aliados do Governo. Tudo por meio de dinheiro em malas.
Formavam-se ali empresas gigantes, com certo poder monopolista e superempresários metacapitalistas. E a esquerda se calava. Movimentos sociais, ONGS, jornalistas, blogs, uniões de estudantes, todos, progressistas, calados diante dessa "monstruosidade capitalista" que os financiava.
Lula, jamais poderia imaginar uma coisa dessas estava em curso
Agora o foco na nossa nova dupla caipira do momento:
*Financiamento no Exterior:* A JBS tornou-se a maior processadora de carne dos EUA, com financiamento maciço do BNDES.
*Obs:* O BNDES, usou dinheiro que deveria ser destinado a promover o desenvolvimento de empresas no Brasil para enriquecer nossa dupla sertaneja no exterior.
Lula não ficou sabendo dessa. Putz! Que pena! Se ele soubesse daria um jeito de acabar com isso, né?
*Expansão de Negócios:* Você sabia que a JBS é dona das Havaianas? Sim e comprou com financiamento de 100% da CAIXA. O banco deu mais esse presente para os pimpolhos sertanejos. Quem nos dera, receber a empresa Havaianas de presente sem botar a mão do bolso, né? A empresa também foi auxiliada pelo BNDES para entrar no negócio de celulose, alimentos processados, couro, energia (compraram uma usina térmica!) e mídia.
*Mercado Financeiro:* Joesley Batista declarou que o homem do PT encarregado de negociar e receber as propinas era o ex-ministro Guido Mantega. A JBS ganhou R$ 12 bilhões em operações cambiais suspeitas de uma só vez enquanto Guido era ministro. 
*Políticos:* Wesley e Joesley safadões destinaram dinheiro para, pasmem, 1.890 políticos. Sim, isso significa que eles mandam no país mais do que qualquer outro.
Antes de 2007 os irmãos Batista já eram empresários de sucesso. Mas foi após essa proximidade com o Governo Petista que os alçou para um outro patamar. O patamar dos bandidos desse país responsáveis pela miséria, morte e corrupção que nunca vão acabar enquanto o brasileiro continuar usando a cédula como papel higiênico.
E ainda tem gente que acha que Lula é inocente.
Fonte principal: site *Spotniks*


Postar um comentário